quinta-feira, 25 de junho de 2009

A TROVA DO CAVALEIRO NEGRO

* Agradecemos as correcções pertinentes aos nossos amigos do Movimento Legitimista Português Filho da Guiné, Herói do Ultramar, Marcelino da Mata, Honra de Portugal. Cavaleiro negro Bandeira de fidelidade, Triste é esquecer, Os homens de lealdade....
Sempre o desagradecido, Esquecimento pode ter, Mas isso não se acha, não,
Num bom português.
A TROVA DE MARCELINO DA MATA, TROVA DO CAVALEIRO NEGRO, TROVA DA LUTA ULTRAMARINA, TROVA PARA O MELHOR GUERREIRO.
Qual cavaleiro monge, Cavaleiro negro, A história portucalense, Foi seu vivo exemplo. Nos dias da traição, Sobressaiu sua bravura, Como grande leão africano, De lusitana armadura. Nos tempos desgraçados, Brilha mais o heroísmo, Não cala o sangue que ferve, De puro patriotismo. A TROVA DE MARCELINO DA MATA, TROVA DO CAVALEIRO NEGRO TROVA DA LUTA ULTRAMARINA, TROVA DO MELHOR GUERREIRO. Entretanto, os " antipátria ", Com a nova ordem mundial, Enfeitados com seus cravos, Destroçando Portugal.
Eis aí o tenente-coronel,
Eis aí o soldado mais condecorado, Frente à vossa vergonha e rapina,
Ergue-se forte o homem laureado !
Eu canto esta trova, Em cabal reconhecimento, Canto Marcelino da Mata, Canto por um português renascimento !
A TROVA DE MARCELINO DA MATA,TROVA DO CAVALEIRO NEGRO, TROVA DA LUTA ULTRAMARINA, TROVA DO MELHOR GUERREIRO.
http://3.bp.blogspot.com/_pMkPOXBWOec/RXwylc6Dp5I/AAAAAAAAAJA/MDT0PeWU90M/s400/Marcelino_Mata_Jose_Carvalho_10Jun03.jpg

1 comentário:

Deixe o seu Comentário